Alimentos poderosos que ajudam você e seu filho a ficarem menos doentes

Por Mariana Branco

Que uma alimentação equilibrada com os diversos grupos de alimentos é fundamental para uma boa saúde isso todo mundo sabe. Por isso, quanto mais colorido você fizer o seu prato e o prato dos seus filhos, melhor. Isso levando em conta que você esteja priorizando alimentos que vêm da terra, principalmente frutas, legumes e verduras, além dos cereais, carboidratos e proteínas.

Mas o que está por traz dos alimentos e quais aqueles que realmente nos ajudam a ficar menos doentes? Para falar sobre isso, entrevistei as médicas Marcela Voris e Jomara de Araujo, ambas nutrólogas da Associação Brasileira de Nutrologia (ABRAN). Segundo elas, alguns alimentos ajudam SIM na prevenção, ou seja, antes de acontecer os resfriados e as gripes. Vejam o que dizem as duas nutrólogas:

  1. Leite materno

Há de se ressaltar, em primeiro e absoluto lugar, a supremacia do leite materno – prescrito de forma absoluta e exclusiva nos primeiros 6 meses de vida e mantido até o segundo ano de vida em associação a outros alimentos. “O leite materno é o imunomodelador biológico específico de maior relevância e seguramente o grande e maior aliado na luta dos bebês contra vírus, bactérias e fungos”, destaca Jomara.

  1. Alimentos ricos em vitamina C

    O sistema imune é de grande eficiência no combate a microorganismos invasores, além de ser responsável pela limpeza do organismo, retirando as células mortas. Por isso, para evitar a imunidade baixa, é importante consumir alimentos ricos em vitamina C, como as frutas cítricas. Elas ativam nosso sistema que atua contra os agentes agressores (como os vírus e as bactérias).

A partir dos 6 meses de idade, quando o bebê começa a se alimentar com papas e frutas, opções como laranja, goiaba, melão, mamão e morango são fontes de vitamina C, que possui propriedade antioxidante (evita a oxidação das células do sistema imunológico).
Vale notar que, assim como a laranja, a goiaba, o melão, o mamão, o morango e o limão também são fontes de vitamina C, com propriedades antioxidantes que evitam a oxidação das células do sistema imunológico (converse com o seu pediatra sobre o momento de introduzir o limão na alimentação do seu filho). E atenção: para muitos pediatras, o morango (devido ao agrotóxico) possui restrição no primeiro ano de vida.
Outra dica é que a vitamina C também é encontrada em outros alimentos além das frutas cítricas, como na couve que também tem propriedade anti-inflamatória (que minimiza alergias).

  1. Alimentos fontes de zinco 

No caso dos bebês, a dica para as papas salgadas é usar a carne bovina, que é fonte de zinco e age no funcionamento de diferentes enzimas, aumentando a imunidade das células e sua capacidade de defesa no combate às bactérias. Pode ser feito com tempero, como o alho, que melhora a função das células do sistema imunológico, tornando assim resfriados e gripes menos graves. Além da carne bovina, ostras, amêndoas e nozes são ricas no mineral zinco e ajudam a criarmos um sistema imunológico forte.

Outras dicas

Para as crianças terem um sistema imunológico forte, é bom ficar atento:

  1. Uma alimentação balanceada fornece ao sistema imunológico vitaminas e sais minerais que irão construir, manter e fortalecer os linfócitos, ou seja, as células de defesa do organismo.
  1. Entende-se por alimentação balanceada aquela que é composta por frutas, verduras, legumes, cereais, carne, ovos, leguminosos, óleos, carboidrato, proteína, lipídio, vitaminas, sais minerais e água.
  1. O consumo de frutas de forma regular previne resfriados e, se estes ocorrerem, duram menos tempo, os sintomas são menos graves e com menos complicações. Os sintomas de gripes e resfriados chegam a sofrer redução de 13,6% nestas crianças.
  1. Para que o bebê desenvolva paladar, a alimentação balanceada e variada é uma dica preciosa para construir, desenvolver e manter a imunidade. Durante a introdução alimentar dos bebês, os alimentos devem ser oferecidos preferencialmente de forma unitária para que a criança seja capaz de identificar seus variados sabores. 

 

Mariana Branco é jornalista, editora do blog Mamãe Prática e idealizadora do Criando AMORas, uma iniciativa física e digital do blog Mamãe Prática que tem a missão de ensinar outras mães a ampliarem o repertório alimentar dos seus filhos. Mari também é autora do eBook gratuito MEU FILHO NÃO COME – 3 Revelações Para Seu Filho Comer Melhor Que Estão Dentro de Você.

*Texto originalmente publicado no blog Mamãe Prática com autorização para reprodução no blog da Comunidade Urbana.

Links:
http://criandoamoras.com.br/
http://mamaepratica.com.br/
http://bit.ly/eBookMEUFILHONAOCOME